Observatório da Vida Estudantil

A criação do OBSERVATÓRIO DA VIDA ESTUDANTIL, em 2018, resulta da necessidade de conhecer quem são os estudantes da Universidade da Madeira (UMa), de onde vêm, quais as dificuldades sentidas e quais as suas aspirações e estratégias perante o futuro. Nasce, igualmente, por se considerar que conhecer a população estudantil é fundamental para que a UMa se possa afirmar como instituição de ensino superior de referência.

O OBSERVATÓRIO DA VIDA ESTUDANTIL tem como missão fornecer à comunidade académica e civil e aos decisores locais um conhecimento cabal e consistente sobre os estudantes da UMa: à entrada, traçando os perfis académicos anteriores, caracterizando as suas origens e identificando; as suas aspirações e escolhas; acompanhando os seus itinerários no interior da UMa; à saída, conhecendo os percursos de inserção no mercado de trabalho dos diplomados pela UMa.

Todo o processo de observação e investigação irá recorrer à metodologia científica e técnicas de recolha de dados através de inquéritos por questionário, entrevistas aprofundadas e análise documental.

Em termos de estudo, o Observatório de Vida Estudantil abordará diferentes temáticas, nomeadamente: os estudantes à entrada da UMa; os caloiros da UMa: um ano depois; a empregabilidade dos diplomados; estudo sobre Abandono e insucesso na UMa; o Programa Maiores de 23 na UMa: Retrato sociográfico; os Cursos Técnicos Superiores Profissionais: análise do perfil dos estudantes; estudantes com Necessidades Educativas Especiais na UMa.

Artigo ilustrado com fotografia de Mostafa Mraji.

Últimas publicações
Os nossos parceiros